O linfoma de Hodgkin do estágio 1 é curável?

O linfoma de Hodgkin é um dos tipos mais comuns de câncer em todo o mundo. É causada por um defeito no sistema linfático, pelo qual os linfócitos crescem a uma taxa anormal. Em geral, o sistema linfático faz parte do sistema imunológico do corpo e seu papel é lutar contra quaisquer patógenos no corpo. Quanto aos linfócitos, eles são um tipo de glóbulos brancos que interceptam os patógenos e outros microorganismos prejudiciais no corpo. Se você tem linfoma, então os linfócitos se multiplicam rapidamente a uma taxa anormal e se acumulam nos gânglios linfáticos fazendo com que inchem. Uma das muitas coisas com as quais os pacientes com linfoma se preocupam é o prognóstico e as chances de sobrevivência. A coisa boa com o linfoma de Hodgkin do estágio 1 é que ele ainda está no câncer ainda está em seu estágio inicial, portanto, pode ser facilmente tratado e controlado. Assim,

O que é o linfoma de Hodgkin no estágio 1?

O estadiamento do câncer é importante porque ajuda a determinar a extensão da disseminação, bem como o tipo de tratamento a ser aplicado. No entanto, dá uma melhor compreensão dos sintomas que se deve esperar. Estadio 1 O linfoma de Hodgkin é caracterizado por câncer em uma região dos linfonodos. Caso contrário, o câncer poderia ter afetado um órgão, seja dentro do sistema linfático ou fora dele. Se o órgão afetado estiver fora do sistema linfático, então é referido como linfoma extranodal, e o estágio do câncer é, portanto, referido como 1E. É importante notar que os sintomas do linfoma de Hodgkin no estágio 1 são exclusivos de sintomas B ou doença volumosa. Em outras palavras, se um paciente é diagnosticado com linfoma e apresenta sintomas de doença volumosa ou sintomas B, então o câncer está mais avançado do que se supõe.

Sintomas

  • Sintomas semelhantes aos da gripe, que incluem febre e glândulas linfáticas inchadas, especialmente na região do pescoço
  • Dificuldade em respirar e dor no peito devido a aumento dos gânglios linfáticos na região do tórax
  • As glândulas linfáticas inchadas sentem e se parecem com inchaços
  • Fadiga
  • Suor noturno
  • Perda de peso inexplicável

Se você tiver algum destes sintomas, você deve visitar um médico o mais rápido possível para o diagnóstico do problema subjacente. Se a causa é linfoma, você deve procurar tratamento imediatamente, para maiores chances de ser curado de câncer. Por outro lado, quanto mais se espalhar o câncer, e mais regiões forem afetadas, menor será o grau de câncer mais desfavorável para a cura.

Tratamento do Linfoma de Hodgkin no Estágio 1

Depois de ter sido diagnosticado com linfoma de Hodgkin e o estágio determinado, o próximo passo é tratar o câncer. Como ainda está localizado e não se espalhou para outras áreas do corpo, o tratamento envolve principalmente quimioterapia e radioterapia. O tratamento de quimioterapia consiste em várias drogas que o paciente recebe para matar as células linfocitárias cancerígenas presentes. Por outro lado, a radioterapia envolve o uso de raios X direcionados ao local do câncer para encolher ou matar o crescimento maligno presente. Na maioria dos casos de tratamento, a quimioterapia é o principal modo de tratamento, enquanto a radioterapia é um tratamento suplementar. Esses métodos de tratamento têm vários efeitos colaterais , como perda de cabelo , náusea , vômito , fadigae hemograma, para citar alguns. No entanto, é importante lembrar que, apesar desses efeitos colaterais, o tratamento está funcionando e se livrando das células cancerígenas.

Conclusão

Estágio 1 O linfoma de Hodgkin tem uma probabilidade maior de ser curado porque é o estágio inicial do câncer e não se espalhou muito para outras áreas. Além disso, a eficiência dos métodos de tratamento do linfoma de Hodgkin tem melhorado gradualmente ao longo dos anos. Como resultado, a taxa de sobrevida para o linfoma de Hodgkin no estágio 1 é de 90-95%, o que implica em pelo menos 90 ou 95 pacientes em 100, pode sobreviver ao linfoma de Hodgkin também, desde que se tenha sintomas normais para um linfoma de Hodgkin não inclui sintomas B e doenças volumosas. Então, o linfoma de Hodgkin do estágio 1 pode ser tratado com muita facilidade, portanto, pode ser curado.

Leia também:

Especialista em Dor at | 425-968-1599 | [email protected]

Eu sou o Dr. Ruby Crowder e sou especialista em medicina pulmonar e cuidados intensivos. Eu me formei na Universidade da Califórnia, em San Francisco. Eu trabalho no Hospital Geral de São Francisco e Centro de Trauma de Zuckerberg. Eu também sou professor associado de medicina na Universidade da Califórnia, em San Francisco.

Eu pesquisei a epidemiologia e o manejo da tuberculose em países de alta incidência e publiquei muitos remédios e artigos relacionados à saúde sobre o Exenin e em outras revistas médicas.

Finalmente, gosto de viajar, mergulhar e andar de mochila.

Leave a Comment