Convulsões E Epilepsia

Como posso parar convulsões naturalmente?

O tratamento adequado para curar convulsões é o uso de drogas anticonvulsivantes. No entanto, esses medicamentos têm capacidade limitada para fornecer os resultados e podem não mostrar a mesma saída para todos. Além disso, eles vêm com efeitos colaterais, onde um indivíduo pode desenvolver resistência a essas drogas, tornando impossível para o médico prosseguir com um tratamento que consiste em medicamentos. Em tais casos, é provável que o indivíduo sofra mais, pois não há alternativa para tratar ou interromper as convulsões além dos métodos naturais.

Table of Contents

Como posso parar convulsões naturalmente?

Se você gosta de tratar a epilepsia sem o uso de medicamentos, a melhor maneira possível é optar por remédios naturais.

  1. Tratamento Herbal:Há um interesse crescente em tratamentos com ervas recentemente. Como as terapias herbais curam uma doença naturalmente sem qualquer efeito colateral, as pessoas estão optando por esses procedimentos mesmo para pequenas doenças, como tosse ou resfriado. As melhores ervas úteis para parar as convulsões incluem sarça ardente, larva, lírio-do-vale, artemísia, peônia, árvore do céu, hidrocótilo e avental. Há pouca evidência de que o tratamento com ervas é uma excelente escolha para parar as convulsões naturalmente. A maioria das evidências apresentadas é anedótica.
  2. Vitaminas:Certas vitaminas possuem a chance de reduzir a ocorrência de ataques convulsivos em um indivíduo. No entanto, um terá que lembrar o fato de que as vitaminas só ajudará na melhoria da eficácia da medicina. Portanto, os médicos podem prescrever adição de vitaminas junto com drogas anticonvulsivantes para melhorar o tratamento e garantir que as chances de ocorrência de convulsões sejam baixas. As vitaminas comuns que a maioria dos neurologistas prescreve incluem vitamina B6, magnésio, vitaminas E, vitaminas D e suplementação com ácido folínico. É sempre importante falar com um médico e adicionar as vitaminas necessárias, juntamente com os medicamentos prescritos sob a supervisão do médico.
  3. Mudanças na dieta:Fazer mudanças em como você consome a comida ou o que você come vai desempenhar um papel crucial na cura natural dos ataques convulsivos. De toda a dieta presente lá fora, a dieta cetogênica desempenha um papel imenso na cura ou na redução da ocorrência de ataques convulsivos. O cardápio foca no aumento do consumo de gordura com redução de carboidratos e proteínas. Embora o resultado seja positivo, os médicos ainda não conseguem encontrar uma conexão entre as mudanças no padrão alimentar e a diminuição dos ataques convulsivos. A dieta natural cetogênica também é útil para crianças que têm convulsões. As crianças podem achar isso desafiador, mas optar pela mudança na dieta é crucial para que um dos pais garanta que a criança não sofra um ataque de convulsão.
  4. Autocontrole:O autocontrole é outro método natural pelo qual um indivíduo pode ganhar controle sobre a atividade convulsiva. É possível quando um indivíduo está ciente dos sintomas e da ocorrência da convulsão. Ao detectar os sinais no estágio inicial, interromper um ataque é possível para o indivíduo. Por exemplo, muitos dos indivíduos entram no estado de aura antes que o ataque ocorra. O intervalo entre a aura e a convulsão é de pelo menos 20 minutos. Durante este período, se o indivíduo pode atingir o autocontrole, é possível reduzir as ocorrências estranhas que acontecem, o que ajuda na prevenção de convulsões naturalmente. Uma maneira melhor de obter autocontrole é melhorando o nível de concentração. Pode-se realizar isso com a ajuda da meditação, concentrando-se em uma tarefa específica, caminhando e dizendo “não” à convulsão.

Embora esses métodos naturais sejam úteis para parar as convulsões, os quais não garantem que eles funcionarão o tempo todo para cada indivíduo. Portanto, é preferível tomar precauções antecipadamente que inclua medidas de segurança e ajude a parar as convulsões naturalmente.

Leia também:

Especialista em Dor at | 425-968-1599 | [email protected]

Eu sou o Dr. Ruby Crowder e sou especialista em medicina pulmonar e cuidados intensivos. Eu me formei na Universidade da Califórnia, em San Francisco. Eu trabalho no Hospital Geral de São Francisco e Centro de Trauma de Zuckerberg. Eu também sou professor associado de medicina na Universidade da Califórnia, em San Francisco.

Eu pesquisei a epidemiologia e o manejo da tuberculose em países de alta incidência e publiquei muitos remédios e artigos relacionados à saúde sobre o Exenin e em outras revistas médicas.

Finalmente, gosto de viajar, mergulhar e andar de mochila.

Leave a Comment