Como você trata a linfadenite mesentérica?

Linfadenite mesentérica é uma condição em que os gânglios linfáticos do mesentério estão inflamados. Os gânglios linfáticos ajudam o seu corpo a lutar contra as doenças, prendendo e destruindo quaisquer patógenos que ataquem seu corpo. Os linfonodos inflamados geralmente estão localizados na membrana entre o intestino e a parede abdominal. Na maioria dos casos, esse distúrbio ocorre devido a uma infecção intestinal, como a gripe estomacal. A linfadenite mesentérica é geralmente leve e quase não causa complicações sérias. No entanto, se você sentir súbitas dores abdominais graves, então você deve garantir que você visite um médico para tratamento adequado. A linfadenite mesentérica comumente afeta crianças e adolescentes. É também referido como adenite mesentérica.

Como você trata a linfadenite mesentérica?

Linfadenite mesentérica não é uma doença grave. Portanto, ele pode curar sozinho dentro de alguns dias sem precisar de tratamento. No entanto, se a causa subjacente das doenças é uma infecção bacteriana, então deve-se prescrever antibióticos para matar as bactérias. Para o manejo da dor, o paciente pode tomar os analgésicos contra o analgésico, como o ibuprofeno. Além disso, cuidados gerais de suporte, incluindo hidratação, são suficientes.

O tratamento da linfadenite mesentérica é importante em casos graves para evitar possíveis complicações, como;

  • Desidratação devido a diarréia freqüente e vômitos .
  • Abscesso (pus) no abdômen
  • A peritonite , embora rara, é uma condição que afeta a membrana que envolve a parte externa dos órgãos do abdome.
  • Sepse, que é um resultado do excesso de trabalho do sistema imunológico ao tentar lutar contra o agente causador (infecção) da linfadenite mesentérica.

Quando você deve visitar um médico?

Bem, o prognóstico geral da condição de linfadenite mesentérica é que ela não é séria e melhorará sozinha ao longo do tempo. Independentemente disso, você deve estar alerta sobre quaisquer sinais de sintomas graves ou outras complicações que possam surgir. Se você sentir fortes dores abdominais, vômitos e diarréia, perda de peso e febre alta, marque uma consulta médica. Além disso, você deve visitar um médico para confirmar que você está realmente sofrendo de adenite mesentérica e não apendicite grave.

Quais são os sinais e sintomas da linfadenite mesentérica?

Os sinais e sintomas da linfadenite mesentérica baseiam-se no que causou a doença em primeiro lugar. No entanto, sintomas comuns incluem;

  • Sensibilidade na pele perto do abdome Diarreia
  • Náusea e vômito
  • Febre
  • Dor na região abdominal
  • Mal-estar (sensação geral de doença)

Em outros casos, mesmo antes de se mostrar sinais de adenite mesentérica, pode-se desenvolver uma infecção do trato respiratório superior. Como resultado, desenvolve-se uma dor de garganta . Os sintomas dessa doença geralmente ocorrem no abdome inferior direito, que se assemelha aos sintomas da apendicite. No entanto, linfadenite mesentérica é menos grave em comparação com apendicite .

Diagnóstico de Linfadenite Mesentérica

O diagnóstico de linfadenite mesentérica às vezes pode ser difícil, pois o paciente pode não apresentar sintomas. Em outros casos, pode ser difícil diagnosticar se a dor resultante é generalizada, tornando difícil identificar de onde a dor está surgindo. A maneira mais fácil de examinar um para esta doença é através da realização de um teste de imagem para determinar se os gânglios linfáticos estão inchados. De qualquer forma, o primeiro passo para diagnosticar linfadenite mesentérica é através do histórico médico. É provável que um paciente com recente gripe estomacal ou outra infecção intestinal possa ter desenvolvido a doença. Além disso, um exame físico é importante para verificar a sensibilidade, qualquer inchaço ou dor na região abdominal. Seu médico também pode optar por coletar uma amostra de sangue para verificar se há alguma infecção.

Conclusão

Os médicos tratam linfadenite mesentérica usando antibióticos e analgésicos para dores abdominais. Além disso, os cuidados gerais de suporte ajudarão a melhorar a condição em pouco tempo. Você pode fazê-lo, garantindo que você descanse o suficiente, permaneça hidratado e, às vezes, aplique calor na região abdominal para aliviar a dor. Além disso, você pode adotar alguns remédios naturais como alcaçuz, Echinacea e índigo selvagem, que têm inúmeros benefícios à saúde.

Leia também:

Especialista em Dor at | 425-968-1599 | [email protected]

Eu sou o Dr. Ruby Crowder e sou especialista em medicina pulmonar e cuidados intensivos. Eu me formei na Universidade da Califórnia, em San Francisco. Eu trabalho no Hospital Geral de São Francisco e Centro de Trauma de Zuckerberg. Eu também sou professor associado de medicina na Universidade da Califórnia, em San Francisco.

Eu pesquisei a epidemiologia e o manejo da tuberculose em países de alta incidência e publiquei muitos remédios e artigos relacionados à saúde sobre o Exenin e em outras revistas médicas.

Finalmente, gosto de viajar, mergulhar e andar de mochila.

Leave a Comment