A nevralgia do trigêmeo causa dores de cabeça e pode afetar o olho?

O nervo trigêmeo tem três componentes: – ramo oftálmico, ramo maxilar e ramo mandibular. Também é conhecido como Tic Douloureux. É uma doença que apresenta dor facial aguda, aguda e aguda com espasmos e tiques. O envolvimento exclusivo de apenas um ramo é raramente visto, ao contrário, a dor irradia de um ramo para outro e o envolvimento dos ramos maxilar e mandibular e sua junção é comumente visto nele. O envolvimento do ramo oftálmico do nervo trigêmeo é raramente visto, o que, de acordo com os dados, é de quase 5%. Mas o envolvimento do ramo oftálmico pode levar a sintomas de dor ocular e dor de cabeça . [1]

Pode apresentar alguns outros sintomas, como dor de cabeça, dor sinusal, dor nos olhos, dor atrás dos olhos, etc. Embora esses sintomas não sejam tão comuns, eles provavelmente são encontrados em casos atípicos. Devido ao suprimento do nervo trigêmeo na região do couro cabeludo até certo ponto e na testa pelo ramo oftálmico, o couro cabeludo e a área dolorida da testa podem imitar o sintoma da dor de cabeça. Às vezes, pode ser difícil diferenciar a dor da sensibilidade do couro cabeludo ou da dor de cabeça. Algumas das causas da neuralgia do trigêmeo incluem esclerose múltipla , compressões vasculares, tumores intracranianos, metástases no cérebro e outras lesões que ocupam espaço, que podem levar a vários sintomas como dor de cabeça, vômitos, náuseas, etc., mas a cefaleia é a mais comum. dentre elas.

A nevralgia do trigêmeo pode afetar o olho?

Também devido ao suprimento do mesmo ramo para a área supraorbital e pequena área ao redor do olho, ele pode se apresentar como dor ocular ou dor retro-orbital (dor atrás do olho). Às vezes, o envolvimento do ramo oftálmico também pode levar a movimentos involuntários de piscar das pálpebras, que podem ser unilaterais ou bilaterais. Em casos graves de envolvimento do nervo trigêmeo, vermelhidão do olho, embaçamento da visão, lacrimejamento dos olhos, dor ocular intensa, etc. podem acompanhar os outros aspectos característicos da neuralgia do trigêmeo.

Em casos de síndromes com múltiplos comprometimentos nervosos onde outros nervos cranianos como o terceiro, quarto e sexto nervos cranianos também estão envolvidos, como Síndrome de Tolosa Hunt, síndrome orbital superior, etc., pode se apresentar como paralisia dos músculos oculares e dificuldade de movimento dos olhos. nistagmo, estrabismo, etc. Muitas vezes, está associado a compressões vasculares, como na trombose do seio cavernoso, etc., onde pode causar exoftalmo pulsátil com dor retrobulbar. Várias lesões que ocupam espaço intracraniano também podem empurrar o globo ocular juntamente com a compressão sobre as características do 5º nervo craniano relacionadas com o olho. Essas características são raras, mas geralmente vêm como envolvimento unilateral.

Para descobrir e diagnosticar as causas de tal envolvimento incomum na neuralgia do trigêmeo, várias investigações como a ressonância magnética podem ser realizadas para descartar as causas intracranianas. As patologias vasculares são muito bem observadas na angiografia como aneurismas, dilatação do vaso, aumento dos seios venosos durais, etc. A investigação do líquido cefalorraquidiano e sua avaliação podem diagnosticar condições como esclerose múltipla, metástase do cérebro, linfoma do cérebro, etc. Causas de dor de cabeça e outros sintomas incomuns de neuralgia do trigêmeo.

Conclusão

Embora a neuralgia do trigêmeo tenha apresentado uma apresentação típica no cenário clínico, apresentações atípicas também não são muito incomuns. Essas causas podem variar desde a apresentação mais simples do transtorno até as complicações mais perigosas de alguma patologia subjacente. O envolvimento do ramo oftálmico é principalmente o culpado na apresentação atípica da neuralgia do trigêmeo. Dor de cabeça e sintomas oculares podem ser vistos em alguns casos e fazem parte de toda a síndrome do envolvimento do nervo trigêmeo. Mas as causas comuns de envolvimento dos olhos no nervo trigêmeo incluem múltiplos distúrbios do envolvimento dos nervos cranianos, enquanto a dor de cabeça é mais comum nas causas intracranianas. O envolvimento do ramo oftálmico está tendo um prognóstico um pouco pior do que o envolvimento dos outros dois ramos.

Leia também:

Especialista em Dor at | 425-968-1599 | [email protected]

Eu sou o Dr. Ruby Crowder e sou especialista em medicina pulmonar e cuidados intensivos. Eu me formei na Universidade da Califórnia, em San Francisco. Eu trabalho no Hospital Geral de São Francisco e Centro de Trauma de Zuckerberg. Eu também sou professor associado de medicina na Universidade da Califórnia, em San Francisco.

Eu pesquisei a epidemiologia e o manejo da tuberculose em países de alta incidência e publiquei muitos remédios e artigos relacionados à saúde sobre o Exenin e em outras revistas médicas.

Finalmente, gosto de viajar, mergulhar e andar de mochila.

Leave a Comment