Vida saudável

Benefícios e efeitos colaterais do óleo de krill

O krill é um animal minúsculo que parece um camarão. O óleo de krill é feito do óleo deste animal. O óleo é extraído do krill e colocado em cápsulas e usado como medicamento. Em alguns produtos, Euphausia superba também conhecido como krill antártico é usado. O óleo de krill tem muitos benefícios para a saúde. Vamos dar uma olhada em detalhes.

Table of Contents

Benefícios do óleo de krill

O óleo de krill renova a saúde. Alguns dos benefícios interessantes deste óleo estão listados abaixo:

  • Benefícios do óleo de Krill para melhorar a saúde cardiovascular: O ômega-3 presente no  óleo de krill tem sido usado por muito tempo para melhorar a saúde cardiovascular. Ele reduz o nível de colesterol ruim, aumenta o nível de colesterol bom e reduz o nível de triglicérides. Também previne coágulos sanguíneos que causam derrames e ataques cardíacos .
  • Benefícios do óleo de krill na redução da síndrome pré-menstrual: o óleo de krill ajuda a reduzir a angústia relacionada à síndrome pré-menstrual. Os ácidos graxos ômega-3 são anti-inflamatórios. Pode ser devido a essa propriedade que as mulheres que tomam óleo de krill sentem menos desconforto por câimbras, alterações leves de humor e retenção de fluidos indesejados.
  • O óleo de krill é benéfico na melhoria da lubrificação das articulações: O óleo de krill é muito eficaz na lubrificação de juntas. As pessoas que tomam óleo de krill sentem menos angústia nas articulações, menor rigidez nas articulações e aumento geral da mobilidade.
  • Mente Rápida e Afiada: Com o aumento da idade, nossa nitidez mental e atenção diminuem. O óleo de krill é muito benéfico para a saúde do cérebro. Se alguém está sofrendo de dificuldades de atenção, então eles podem aumentar seu foco mental e concentração, tomando os suplementos de óleo. Verifica-se também que o nível mais alto de ômega-3 pode proteger um dos problemas de perda de memória.
  • Benefícios para a saúde da pele do óleo de krill: A eficácia dos antioxidantes é medida com a escala ORAC (capacidade de absorção de radicais de oxigênio). O valor ORAC no óleo de krill é encontrado para ser 43. Ele contém astaxantina, que é um poderoso antioxidante. Esses antioxidantes ajudam a dar uma aparência limpa e clara.
  • Benefícios do óleo de krill para promover o desenvolvimento neurológico de bebês:Os médicos geralmente recomendam que as mães grávidas aumentem o consumo de ômega-3 para melhorar o desenvolvimento neurológico em bebês. Para o forte desenvolvimento dos olhos, cérebro e sistema nervoso central dos bebês, os ácidos graxos ômega-3 desempenham um papel muito importante. Para isso, a ingestão de óleo de krill pode ser benéfica, pois é carregado com ácidos graxos ômega-3. No entanto, é preciso consultar um médico antes do consumo de qualquer coisa durante a gravidez.
  • Depressão: Muitos médicos recomendam este suplemento juntamente com antidepressivos para os pacientes que precisam de um impulso. É sempre aconselhável começar a usar este suplemento somente após consultar o seu médico.
  • Melhorando a digestão: O ômega-3, que está presente em quantidade abundante no óleo de krill, ajuda a aumentar a digestão. Várias pesquisas ao longo do tempo mostraram que, entre todas as gorduras, os ácidos graxos ômega-3 são os melhores.
  • O óleo de krill mantém o nível de açúcar no sangue e colesterol.
  • Isso ajuda a aumentar a função do sistema imunológico.
  • O óleo de krill dá um vigor juvenil e boa saúde.
  • O óleo de krill ajuda a melhorar o funcionamento do fígado.

Nós todos sabemos que nosso corpo não pode produzir ômega-3. Portanto, é muito importante garantir que seja tomado como um suplemento dietético. Todos os dias milhões de pessoas tomam suplemento de óleo de peixe para aumentar o ômega-3, mas 90% de seus benefícios são perdidos devido à má absorção. É por isso que a ingestão do óleo de krill é encorajada pelos cientistas.

Efeitos colaterais do óleo de krill

O óleo de krill é possivelmente seguro para todos e é considerado o suplemento mais seguro. É 100% natural. Acredita-se que o óleo de krill não tem efeitos colaterais próprios. Se você estiver olhando para aumentar sua saúde, então você pode adicionar este suplemento como parte de sua dieta diária. Embora seja seguro, é sempre prudente ter cuidado. Certas pesquisas mostraram que o óleo de krill pode causar alguns efeitos colaterais como azia , mau hálito , náuseas, dores de estômago e fezes moles. O efeito do ômega-3 também depende do indivíduo. É importante consultar um médico antes de tomar esses suplementos. É aconselhável evitar o óleo de krill se você está sofrendo de diabetes, pressão alta ou tomar medicamentos .

Alguns dos efeitos adversos notados são:

  • Efeitos do óleo de krill na medicação: O óleo de krill pode ter reações adversas com alguns medicamentos. É muito importante consultar o seu médico se você planeja adicionar este suplemento à sua dieta. O seu médico irá definitivamente testar o seu sangue para garantir que este suplemento não lhe cause efeitos negativos.
  • Ingestão de óleo de Krill durante a gravidez e amamentação: Não se sabe muito se é seguro tomar este suplemento durante a gravidez e amamentação. Então, se você está grávida, é melhor que você fique do lado mais seguro e evite usá-lo. No caso de você querer obter os benefícios deste óleo, consulte um médico antes de iniciar sua ingestão.
  • Efeitos do óleo de krill no diabetes: Se os indivíduos com diabetes tomarem muito deste suplemento, ele pode ter um efeito colateral de causar um alto nível de açúcar no sangue. Seria aconselhável consultar o seu médico antes de tomar este suplemento.
  • Efeitos do óleo de krill sobre a pressão arterial elevada: Embora, é verdade que este óleo é muito benéfico para a saúde cardiovascular, mas se você tem pressão alta, então você deve ser cauteloso. Se você estiver tomando medicação para diminuir sua pressão, este suplemento de óleo pode, na verdade, diminuir ainda mais a pressão arterial. Portanto, antes de tomar este suplemento, é importante seguir o conselho do seu médico.
  • Efeitos do óleo de krill sobre os medicamentos para diluir o sangue: Os suplementos de ômega-3 evitam o acúmulo de plaquetas. Isso geralmente leva ao afinamento do sangue. Portanto, se você estiver tomando medicamentos para diluir o sangue, o consumo de óleo de krill duplicará o efeito e poderá trazer mais complicações. É aconselhável consultar o seu médico antes de tomar este medicamento.
  • Reação alérgica de Krill Oil: Se você é alérgico a frutos do mar, então há chances de você ser alérgico a suplementos de óleo de krill também. No entanto, não há nenhuma fonte confiável de informações para provar o fato de que pessoas alérgicas a frutos do mar também são alérgicas a esse óleo. No entanto, é aconselhável ter cautela se você tiver alergia a frutos do mar.
  • Efeitos colaterais do óleo de krill durante a cirurgia: O óleo de krill ajuda no afinamento do sangue, o que retarda a coagulação do sangue. Aumenta o risco de sangramento durante e após a cirurgia. É preciso parar esses suplementos duas semanas antes de qualquer cirurgia. Também é importante informar seu médico sobre seus suplementos antes da cirurgia.
  • Estômago chateado como um efeito colateral do óleo de krill: Você pode notar uma dor de estômago depois de tomar suplemento de óleo de krill. Quando doses altas são tomadas, também pode levar a desconforto e dor. Portanto, é preciso tomar o suplemento em uma quantidade moderada.

Certos Fatores que Causam os Efeitos Colaterais ao Consumir o Óleo de Krill

O efeito colateral do óleo de krill é influenciado por certos fatores. Se você planeja adicionar este suplemento à sua dieta diária, é muito importante que você passe por esses fatores. Os fatores estão listados abaixo.

  • Qualidade do óleo de Krill: Se você comprar um suplemento de baixa qualidade, provavelmente terá os efeitos colaterais. Um krill que é de baixa qualidade e não é testado pelo IKOS tem chances de efeitos colaterais. É importante comprar o óleo de krill da mais alta qualidade, fresco e isento de toda a toxicidade do metal.
  • Composição do ingrediente do óleo de krill: A composição dos ingredientes também provoca efeitos colaterais. A proporção em que os ácidos graxos ômega-3, astaxantina e fosfolipídios estão presentes também pode influenciar sua experiência de efeitos colaterais.

Dosagem de óleo de krill

A dosagem certa depende de muitos fatores, como a saúde e a idade do usuário e várias outras condições de saúde. É importante lembrar que os produtos naturais são seguros e úteis, mas a dose certa é obrigatória. Por isso, é sempre melhor consultar um médico antes de decidir começar a tomar este suplemento. Desta forma, você pode aproveitar os benefícios deste óleo sem medo de seus efeitos colaterais. Este óleo interage com vários medicamentos que incluem aspirina, ibuprofeno, naproxeno e muitos outros. Por isso, é melhor conversar com seu médico antes de começar a tomar este suplemento.

Conclusão

O óleo de peixe pode conter certo nível de toxinas, enquanto o óleo de krill não contém. Isto pode ser devido ao fato de que o krill se alimenta apenas do fitoplâncton que não contém mercúrio. Acredita-se que o ômega-3 que é extraído do krill é o mais puro. O óleo de krill realmente funciona bem para aqueles que não são alérgicos a frutos do mar. Se você é alérgico a frutos do mar, então você definitivamente deve ficar longe deste suplemento, pois pode causar coceira na pele e lábios inchados. No entanto, é importante lembrar que todas as pessoas são diferentes e uma pessoa que é alérgica a frutos do mar pode não experimentar os efeitos colaterais, enquanto alguém que não é alérgico a frutos do mar pode experimentar efeitos colaterais. Por isso, é preciso consultar um médico antes de iniciar suplementos de óleo de krill.

Leia também:

Especialista em Dor at | 425-968-1599 | [email protected]

Eu sou o Dr. Ruby Crowder e sou especialista em medicina pulmonar e cuidados intensivos. Eu me formei na Universidade da Califórnia, em San Francisco. Eu trabalho no Hospital Geral de São Francisco e Centro de Trauma de Zuckerberg. Eu também sou professor associado de medicina na Universidade da Califórnia, em San Francisco.

Eu pesquisei a epidemiologia e o manejo da tuberculose em países de alta incidência e publiquei muitos remédios e artigos relacionados à saúde sobre o Exenin e em outras revistas médicas.

Finalmente, gosto de viajar, mergulhar e andar de mochila.

Leave a Comment