Quais óleos essenciais são melhores para o congestionamento nasal?

Pessoas que sofrem de sinusite sabem o quão desconfortável é o sentimento, para dizer o mínimo. A congestão sinusal dificulta o sono; respire e até atrapalhe sua rotina diária. Espirros repetitivos, dor atrás dos olhos, olhos vermelhos e inchados, coriza, lenços e lenços enfiados nos bolsos são apenas algumas das imagens que evocamos ao ouvir congestão nasal. Pressão extrema, infecção e dores de cabeça são apenas alguns dos fatores com os quais uma pessoa que sofre de sinusite precisa lidar. Não importa quais sintomas você tenha, a sinusite deixa você com uma sensação terrível. Realmente não existe tratamento para  congestão sinusal. exceto para gerenciar seus sintomas com medicamentos e remédios naturais.Muitos médicos até prescrevem uma rodada de antibióticos para lidar com a infecção mais rapidamente.

No entanto, se a infecção for causada por um vírus, esses antibióticos serão inúteis e você ficará em busca de alívio. Um desses remédios eficazes e completamente naturais são os óleos essenciais.

Os óleos essenciais podem ser usados ​​como uma alternativa natural ao uso de medicamentos. Eles têm sido usados ​​há milhares de anos para apoiar não apenas a saúde física, mas também emocional. Durante um período de tempo, as pessoas tornaram-se cautelosas quanto ao uso de medicamentos sintéticos devido aos muitos efeitos colaterais que apresentam. Recorrer a soluções naturais, como óleos essenciais, traz muitos benefícios à saúde.

Quando sofrem de sinusite e sinusite, muitas pessoas recorrem a antibióticos ou descongestionantes vendidos sem receita (OTC). No entanto, estes medicamentos não são isentos de efeitos colaterais. De fato, os descongestionantes OTC podem interagir com outros medicamentos prescritos e não são recomendados para muitas pessoas, como aquelas que sofrem de pressão alta ou mulheres grávidas. Os efeitos colaterais comuns desses medicamentos incluem:

  • Sonolência
  • Alta pressão
  • Dores de cabeça
  • Inquietação e dificuldade para dormir
  • Frequência cardíaca rápida

O uso de óleos essenciais como tratamento natural para a congestão sinusal é útil, pois proporciona alívio de sintomas como:

  • Inflamação
  • Congestionamento
  • Tosse
  • Frio

Sinus congestionamento que ocorre devido a alergias, inflamação, resfriado comum , ou até mesmo bactérias, podem ser tratadas eficazmente com óleos essenciais.

Existe alguma evidência científica para mostrar que os óleos essenciais funcionam?

Há alguma pesquisa, mas não muito para mostrar que os óleos essenciais são benéficos no congestionamento sinusal. Tem havido estudos que mostraram que certos óleos essenciais podem ajudar a aliviar os sintomas de congestão sinusal. De fato, em 2006, um estudo descobriu que o óleo da árvore do chá tem propriedades antibacterianas, anti-inflamatórias e anti-sépticas. Devido ao fato de que a congestão sinusal geralmente tende a ocorrer por causa da inflamação do tecido sinusal e bactérias, o óleo da árvore do chá é conhecido por ajudar a aliviar os sintomas.

Em 2009, um estudo descobriu que o principal componente do óleo de eucalipto, 1,8 cineole, pode ser usado como um tratamento eficaz e perfeitamente seguro para a sinusite. 1,8 cineole é útil para limpar o ar de muitos micróbios e bactérias. O composto também ajuda a limpar as vias respiratórias do muco e age como um supressor da tosse natural, proporcionando alívio imenso durante a congestão sinusal.

Chegando ao óleo de hortelã-pimenta, o principal componente desse óleo é o mentol. O mentol está presente em muitos remédios OTC também, o principal deles é esfregar vapor.

Se você estiver usando óleo de hortelã-pimenta, é importante ter em mente que o mentol não diminui o congestionamento, mas estudos mostram que ele realmente aumenta o congestionamento. O mentol funciona produzindo uma sensação de resfriamento, que faz com que os usuários sintam que suas passagens nasais se abriram e podem respirar melhor. No entanto, as passagens ainda permanecem congestionadas.

O óleo de orégano é outro óleo essencial que tem propriedades antifúngicas e antibacterianas comprovadas e é bom para o congestionamento sinusal.

Quais óleos essenciais são os melhores para o congestionamento nasal?

  1. Óleo da árvore do chá

    O óleo essencial da árvore do chá é muito eficaz na eliminação do congestionamento sinusal. Também pode ser usado para obter alívio da tosse e dor de garganta. As folhas e a casca da árvore Melaleuca, da qual este óleo é derivado, são conhecidas por terem propriedades antissépticas e curativas. O óleo da árvore do chá ajuda a eliminar os micróbios que são responsáveis ​​por causar gripes e resfriados. É necessário diluir o óleo da árvore do chá com óleo transportador, se você vai usá-lo topicamente. Você pode esfregar diretamente no peito, atrás das orelhas e debaixo do nariz. Você pode aplicar o óleo da árvore do chá até 5-6 vezes ao dia para ajudar a aliviar o congestionamento sinusal. Se você está com excesso de muco ou dor de garganta, então você pode adicionar 2-3 gotas de óleo de melaleuca em um copo de água morna e gargarejar com ele. Cuspir a mistura. Não engula o mesmo. O uso repetido ajudará a acalmar sua garganta e também diluir o muco, ajudando-o a sair.

  2. Óleo de eucalipto

    O óleo derivado do eucalipto tem sido usado há muitos anos pelos médicos como uma cura para muitos problemas brônquicos e torácicos. O óleo essencial de eucalipto é famoso por suas propriedades anti-sépticas, antibacterianas e adstringentes. De fato, o óleo de eucalipto tem sido usado como anti-séptico para prevenir infecções e reduzir a suscetibilidade a bactérias nas guerras mundiais.

    O composto principal deste óleo é conhecido como eucaliptol tem um aroma mentolado e tem um sabor picante, mas refrescante. O eucaliptol é usado em muitos xaropes para tosse e até em pastilhas para tosse. É conhecido por ser rico em propriedades antimicrobianas, antibacterianas, antivirais e até antiespasmódicas. Todas estas propriedades são extremamente úteis na abertura de vias aéreas bloqueadas, reduzindo a frequência e intensidade de uma tosse, aliviando o congestionamento e até reduzindo a superprodução de muco e catarro.

    Se você quiser usar isso topicamente, então o óleo de eucalipto também precisa ser misturado com um óleo neutro, como azeite ou óleo de jojoba. Depois de misturá-lo com um óleo transportador, você pode aplicá-lo diretamente como um vapor esfregar em seu peito. Você também pode 25-30 gotas de óleo de eucalipto com peróxido em um frasco de spray e misture-o no ar. Isso ajuda na eliminação de alérgenos e micróbios transportados pelo ar.

  3. Óleo de orégano

    Óleo de orégano é um óleo essencial versátil e útil que tem sido usado desde os tempos antigos para tratar infecções. Extraído de folhas frescas de orégano, o óleo é rico em timol e carvacrol. Estes dois compostos provaram ter propriedades anti-inflamatórias, anti-fúngicas e antibacterianas extremamente poderosas. Carvacrol é eficaz no combate a infecções bacterianas, vírus, inflamação, alergias, parasitas, infecções fúngicas e também dá alívio em problemas crônicos de sinusite.

    O óleo de orégano funciona estimulando e fortalecendo o sistema imunológico, pois ajuda na produção de glóbulos brancos. Assim, previne e trata infecções, uma vez que auxilia no funcionamento desses glóbulos brancos também.

    Se você quiser usar o óleo de orégano topicamente, então, como os outros óleos, você precisará diluí-lo com um óleo neutro, como azeite ou óleo de jojoba. Você pode então ir em frente e aplicá-lo em torno do nariz, no peito e até atrás das orelhas. Isso ajudará a reduzir a produção de muco e também aliviar a respiração.

    Ao contrário de outros óleos essenciais, é possível tomar óleo de orégano internamente. Você pode adicionar pequenas quantidades de óleo à sua comida ou pode até tomar em forma de suplemento.

  4. Óleo essencial de tomilho

    Um membro da família das mentas, o óleo essencial de tomilho tem muitos benefícios para a saúde. O processo de extração do óleo de tomilho é bastante longo e você precisa de uma quantidade muito grande de matéria vegetal para produzir pequenas quantidades do óleo essencial. Portanto, o óleo de tomilho é geralmente mais caro do que os outros óleos essenciais nesta lista. O óleo de tomilho é um excelente anti-séptico e possui propriedades antibacterianas e anti-espasmódicas. Ele também funciona bem como um expectorante, portanto, é altamente benéfico no tratamento de pressão sinusal e congestionamento. É um forte antioxidante e fornece suporte no funcionamento de muitos dos sistemas do corpo, como respiratório, nervoso, imunológico e muito mais.

    O óleo de tomilho também precisa ser diluído se você quiser aplicar topicamente. Óleos transportadores podem ser usados ​​para misturar óleo de tomilho na proporção de 1: 1.

  5. Óleo Essencial de Limão

    O óleo essencial de limão é altamente benéfico para o tratamento do seio. Este óleo suporta os sistemas linfático e respiratório e ajuda o corpo a dissolver o muco e proporcionar alívio da congestão sinusal. O óleo essencial de limão também é conhecido por fortalecer o sistema imunológico e prevenir futuras ocorrências de doenças. Além disso, limões também são conhecidos por ter propriedades anti-fúngicas, antivirais e antibacterianas potentes. Eles são ricos em ácido cítrico, vitamina C, bioflavonóides e cálcio. Todos esses fatores fazem do óleo essencial de limão um forte germe.

    Você pode usar óleo essencial de limão de várias maneiras. No momento em que você notar pela primeira vez o sinal de pressão sinusal ou congestão, esfregue uma pequena quantidade de óleo de limão no peito e na garganta. O óleo, como os discutidos acima, precisa ser misturado ao óleo transportador. Se você repetir esse procedimento algumas vezes ao longo do dia, obterá alívio imediato.

    O óleo essencial de limão também pode ser ingerido sem diluição. Você pode misturá-lo em uma xícara de chá quente junto com mel para aliviar qualquer problema respiratório superior.

Como usar estes óleos essenciais para obter alívio da sinusite?

Agora que passamos por alguns dos melhores óleos essenciais para usar no congestionamento sinusal, vamos dar uma olhada em qual seria a maneira correta de usá-los. A melhor maneira de se beneficiar destes óleos essenciais para reviver a congestão nasal é através da inalação. Existem muitas maneiras pelas quais isso pode ser feito.

A primeira maneira é através da inalação de vapor. Este processo envolve a mistura de óleos essenciais com água quente, a fim de produzir vapor terapêutico. Adicione 3 a 7 gotas do óleo essencial escolhido à água fervente. Cubra a cabeça com uma toalha e respire o vapor pelo nariz. Feche os olhos para evitar qualquer irritação nos olhos.

Você também pode inalar diretamente o óleo essencial direto da garrafa. Também é possível adicionar algumas gotas de óleo a uma bola de algodão, tubo de inalador ou lenço e depois inspirar profundamente .

Se você preferir tomar um banho de aromaterapia , então você também pode adicionar algumas gotas do óleo essencial escolhido para o seu banho quente.

A melhor maneira, no entanto, de se beneficiar do óleo essencial é usar um difusor. Um difusor dispersa o óleo pelo ar e também permite que o óleo se dilua antes de inalá-lo.

Leia também:

Especialista em Dor at | 425-968-1599 | [email protected]

Eu sou o Dr. Ruby Crowder e sou especialista em medicina pulmonar e cuidados intensivos. Eu me formei na Universidade da Califórnia, em San Francisco. Eu trabalho no Hospital Geral de São Francisco e Centro de Trauma de Zuckerberg. Eu também sou professor associado de medicina na Universidade da Califórnia, em San Francisco.

Eu pesquisei a epidemiologia e o manejo da tuberculose em países de alta incidência e publiquei muitos remédios e artigos relacionados à saúde sobre o Exenin e em outras revistas médicas.

Finalmente, gosto de viajar, mergulhar e andar de mochila.

Leave a Comment